sábado, 20 de junho de 2009

Preguiça

Meu horóscopo diz, meus chefes dizem, minha mãe diz, meu namorado, se existisse, diria, minha cachorra também - tenho preguiça, muito menos do que aparento, muito mais do que gostaria, por isso o blog não se atualiza há tempos. Em um dia deprê como hoje, tentei ver vários filmes, mas não consegui ver nenhum dos que queria - estava triste demais pra ver A festa da menina morta e não querer vomitar depois, Import Export só começa a passar amanhã, droga -, mas a pior parte de tudo é saber que deixei de ver um filme dificílimo de ser escalado para mostras, O inquilino do meu Polanski, de graça e no cinema, por falta de conjunção astral adequada. Mas, para o post não terminar triste, percebi por que eu e a Academia escolheram Penélope Cruz para melhor atriz coadjuvante este ano: porque ela rouba o filme do Woody Allen pra ela. O conjunto maravilhoso de atores de Dúvida funciona bem porque é sobretudo um conjunto, mas Penélope carrega Vicky Cristina Barcelona, um Woody Allen realmente legal, nas costas. O filme é ensolarado e Penélope está luminosa. Queria terminar o dia com essa luz.

Um comentário:

:: Fräulein :: disse...

Ainda estou me devendo assistir ao Vicky.
Que filme é esse da festa da menina morta?? Medo, rsrsrs.
Muito a fim de ver Import Export, apesar de parecer roubo de ideia do "Do outro lado".

Acho que é indecisão,não preguiça.
bjs